Fone
Notícias
TENDÊNCIA – As pranchetas e suas novas funções
11/02/2019

Criada com a finalidade de apoiar papéis e blocos de notas na hora da escrita, para facilitar o trabalho de quem precisa se deslocar constantemente ou que permanece em pé na maior parte do tempo, a prancheta vem ganhando novas funcionalidades.
A Supervisora de Marketing da Acrimet, Tamy Marins Perazzolo, cita algumas destas novas funções: porta-recados, quando colocadas em espaços estratégicos do home office, quarto ou cozinha, com o “recadinho” preso no clip; decoração em diferentes ambientes da casa ou escritório, ou então, pode ser um presente decorativo, quando personalizadas com pintura, colagem de tecidos ou adesivagem.
A prancheta foi um dos primeiros produtos do portfólio da Acrimet, que hoje oferece diversos modelos e cores, tais como: em MDF nos tamanhos A4 e A5 e clip nas opções metálica, plástico ou wire; em MDF Branco nos tamanhos A4 e A5 e clip metálico colorido; pranchetas plásticas A4 em cores sólidas e translúcidas e com clip plástico; plásticas nas cores sólidas e translúcidas (com duas réguas laterais – medidas em polegadas e centímetros) com clip metálico tradicional ou clip metálico colorido, nos tamanhos A4 e A5; pranchetas plásticas A4 e A5 sólidas e translúcidas (com duas réguas laterais -medidas em polegadas e centímetros) com prendedor wire; e as pranchetas em alumínio A4 e A5 com clip em aço inox.

Quadros e porta-recados

Em seu mix, a Dello oferece pranchetas em duas opções de tamanho: ofício e 1/2 ofício, em um total de oito cores, sendo 4 na linha Office (azul, cristal, fumê e preta)  e 4 na linha da ilustradora mineira Amanda Mol, nos tons branco, cobre, dourado e ouro, sendo que essas quatro últimas vêm acompanhadas por um desenho criado pela artista. “A linha Amanda Mol foi desenvolvida com o intuito de diversificar a aplicabilidade dos produtos, que passaram a ser utilizados como quadros decorativos, podendo alternar a imagem como decoração, bem como, poderá funcionar como um porta-recados”, explica a Relações-Públicas da Dello, Jéssica Fernanda S. Souza, lembrando ainda que as pranchetas desenvolvidas pela empresa são injetadas em poliestireno, possuem réguas em sua base e lateral esquerda, prendedor de papel em poliestireno injetado, que não enferruja e nem marca o papel, além do produto ser de fácil higienização, recomendado para ambientes hospitalares e locais que precisam estar livres de bactérias, fungos e afins. “Os consumidores querem pranchetas para as mais diversas funções e aplicabilidades, por isso, buscam opções dos produtos em cores e modelos variados.”

As cores cristal e fumê continuam fortes

Apesar da tendência por novas cores nas pranchetas, as tradicionais cristal e fumê ganham relevância no mix da Waleu devido à alta demanda que possuem, especialmente no ambiente corporativo.
As pranchetas desenvolvidas pelo fabricante são os modelos Meio Ofício e Ofício Super confeccionados em poliestireno e segundo a empresa, altamente resistentes, com prendedor banhado em níquel e encontradas nas cores cristal e fumê, sendo que a Ofício Super também é oferecida nos tons vermelho e azul. A linha Ofício Super Metal, com corpo em poliestireno e prendedor banhado a zinco, é disponibilizada em fumê, cristal, preta e rosa.
Em MDF tem as pranchetas Ofício com o prendedor banhado a zinco. “Nossas pranchetas possuem características únicas que atendem a diferentes públicos. São ideais para organizar folhas e fichas, facilitando o preenchimento de documentos, o trabalho de criação e a pintura de ilustrações, sem que haja a necessidade de uma superfície de apoio”, pontua a profissional de Marketing da Waleu, Jacqueline Monteiro.

Evolução nos detalhes

A empresa Stalo oferece ao mercado uma variedade em pranchetas e somente no último ano vendeu 1,2 milhão de peças. Em seu mix há desde as mais tradicionais até modelos com inovações que acompanham as tendências do mercado.
As pranchetas produzidas em chapa de fibra e MDF estão disponíveis nas cores natural e branca e podem ser acompanhadas de diferentes modelos de pegadores como o metálico, com design exclusivo ou versões plásticas.
De acordo com o CEO da Stalo, Eduardo Manfrinato, a empresa sempre utiliza os melhores materiais em seus produtos e com relação às pranchetas não seria diferente. “Nos últimos anos, houve uma grande evolução dentro da categoria. Há sempre a procura por materiais mais leves e com maior durabilidade, além da preocupação com a matéria-prima, que deve ser certificada, para garantir a qualidade final e a satisfação do cliente.”
A Stalo conta, ainda, com algumas novidades nesta categoria. O pegador metálico Office que tem design flat e permite fácil empilhamento, sendo um diferencial para clientes que precisam lidar com muitas pranchetas ao mesmo tempo, além dos pegadores plásticos de design exclusivo da Stalo feitos com molas de nylon, mais resistentes do que as molas de metal convencionais, garantindo ao produto tempo de vida útil prolongado em relação aos modelos tradicionais. Mais recentemente, foram lançadas as pranchetas com pegador metálico cromado. “As pranchetas para o consumidor 4.0 devem acompanhar o seu ritmo e estilo de vida, oferecendo não apenas durabilidade, mas funcionalidades exclusivas e possibilidade de personalização, para que o produto tenha cada vez mais ‘a sua cara’. Pensando na sofisticação que esse consumidor exige, a Stalo oferece pranchetas personalizadas, projetadas para as necessidades do cliente e produzidas com exclusividade”, conta Eduardo.

Linhas técnicas

Trabalhando com linhas mais técnicas e tendo entre seus principais clientes, estudantes de arquitetura, engenharia e design, a empresa Trident tem opções de pranchetas para profissionais e estudantes que precisam de um instrumento para desenvolver os seus trabalhos artísticos e técnicos. São produtos confeccionados em diversos materiais como: acrílico, madeira, fórmica e MDF, em formatos que vão do A1, A2, A3 ao A4. Recentemente, a Trident lançou tampos pintados de preto Black Piano e também a linha residencial com pés em madeira, com destaque para o modelo dobrável que vira uma “maleta”, facilitando o transporte e manuseio. “Com o tipo de pranchetas que trabalhamos é imprescindível nos atentarmos para as questões que envolvam ergonomia, praticidade e formatos que atendam as demandas de quem trabalha com desenho artístico ou técnico. Aspectos que são prontamente atendidos em nosso portfólio”, ressalta o Diretor Comercial da Trident, Roberto Zanocco.

Opções mais despojadas

De pranchetas mais despojadas e estampadas aos modelos clássicos, a Tilibra trabalha com diferentes opções do produto, atendendo às necessidades de públicos variados e, segundo a empresa, seguindo as tendências da última temporada. “A prancheta é um produto clássico, mas que ganha novas características, com diferentes materiais, estampas e acessórios. Hoje, temos quatro tipos de produtos, com opções em papelão, MDF, acrílico e plástico. As pranchetas com estampas geométricas são destinadas ao público jovem e para o ambiente corporativo, tem itens mais clássicos e em cores neutras”, esclarece o Supervisor de Novos Negócios da Tilibra, Douglas Takahashi, acrescentando que o consumidor quer um item de qualidade, que seja leve e prático de ser carregado.
Na linha prancheta Decorada, a Tilibra utilizou um papelão resistente, revestido por papel couché brilhante, além do prendedor de metal e dispositivo para pendurar. A coleção é estampada com formas geométricas que levam um toque moderno e jovem aos produtos.
Já para quem prefere um estilo mais clássico, há as pranchetas em MDF, Acrílica Fumê e em Polipropileno com Calculadora. A primeira está disponível nos tamanhos A4 e A5, com presilha de pressão e prendedor de metal. Já a Acrílica Fumê, com formato 355x227mm, possui presilha de pressão e prendedor de metal, além de se diferenciar por ter uma escala métrica em polegadas nas laterais, tornando-se ideal para estudos e medições.
A terceira opção, em polipropileno, é recomendada para quem precisar fazer contas com frequência. Isso porque, além de possuir escala métrica na lateral, vem com porta-caneta e calculadora recarregável com luz solar. “O público é bastante heterogênio, abrangendo desde estudantes a profissionais que utilizam esse item no dia a dia de trabalho, em atividades que requerem praticidade para anotações, por isso, temos que diversificar”, analisa Douglas.

DELTA
TRIVIUN
CADERSIL 2019
FABER CASTELL
WALEU 2
FILIPERSON
MANO
BRASILFIJ
PILOT
BRW MARCAS
CONDOR
DAC