Fone
Notícias
CATEGORIA DE PRODUTO – Tem cola pra tudo
21/01/2020

Em casa, na escola, no trabalho, nas atividades artísticas, nas brincadeiras infantis, as colas estão presentes em vários momentos e, por essa razão, o sortimento é cada vez maior, atendendo as demandas que surgem, ao mesmo tempo em que as linhas existentes são aprimoradas para satisfazer os consumidores mais exigentes.
Tendo na categoria de colas um expressivo volume de vendas, o fabricante Delta Artigos Escolares pretende para 2020 uma expansão de 10% nos negócios.
Além da cola Branca, cola Isopor para os trabalhos manuais em isopor e E.V.A, colas Coloridas e colas Glitter, a Delta, amplia seu mix com dois lançamentos: a cola Silicone nas versões 60g e 100g com bico dosador, que torna a aplicação mais precisa e recomendada para trabalhos artesanais, principalmente em papel, papelão, couro, tecido, madeira, metal e outros; e a cola Transparente, nas opções 250g e 500g, também com bico dosador, oferecendo diversidade de aplicações para os trabalhos escolares, na colagem de papel, papelão, cartolina etc, indicada inclusive para as crianças criarem suas slimes. “Acreditamos que a demanda verificada em 2019 se mantenha para a maioria das colas e isto se deva a algumas situações, como a produção das slimes, que ainda é forte entre a garotada, e impulsionou sobremaneira a comercialização das colas brancas, bem como, o crescimento das atividades artesanais que demandam as colas Isopor, Silicone e de uso geral. A Delta acompanha estes movimentos e para este ano estamos com os lançamentos destacados acima”, afirma o Gerente Comercial da Delta Artigos Escolares, Plínio Câmara, lembrando que a empresa realiza periódicas avaliações dos produtos/lotes e das suas respectivas características relativas ao teor de sólidos, viscosidade, cor, odor, peso, tempo de colagem etc.
Por meio da sua marca Pira, o fabricante Piratininga trabalha com as principais versões de colas como as Brancas para uso escolar; colas Brancas, tipo Extra, para uso profissional; colas para Isopor e E.V.A., destinadas especificamente para esses materiais; colas Coloridas e com Glitter para as atividades artísticas e as colas Transparentes, multifuncionais, que vêm sendo bastante utilizadas pelas crianças para a produção das slimes. “Todos os nossos fornecedores são avaliados e qualificados, e os materiais fornecidos por estes devem ser aprovados e validados. Investimos em maquinários e parceiros que nos atendam com presteza e rapidez para que estes benefícios cheguem e sejam percebidos pelos nossos consumidores. De todos os lotes que produzimos são retiradas amostras para serem acompanhadas, observadas e analisadas no decorrer do período de validade dos produtos. Além disso, as colas Pira são certificadas conforme legislação vigente, ou seja, Inmetro”, esclarece a Diretora Comercial da Piratininga, Sara Calazans, acrescentando que as intenções da marca são de aumentar a linha de acordo com as novas demandas.
Quem também pretende ampliar seu mix de colas é a Master, que hoje trabalha com opções que atendem tanto as necessidades escolares, quanto do dia a dia e office. Tem a linha de cola líquida PVA nas versões 40g, 90g e 110g e as linhas de colas em bastão PVP (Mastertick Best) de alta adesividade, e a bastão PVA (Mastertick), ambas em 10g, 20g e 40g. “Nossas colas são importadas e submetidas a rigorosos testes de qualidade, atendendo às normas do Inmetro. Para este ano pretendemos ampliar o nosso portfólio, buscando manter a satisfação dos nossos clientes”, afirma a Gerente Comercial da Master, Márcia Duarte.

Estreando na categoria
Especialista no segmento de autoadesivos, a Colacril no final de 2019 lançou suas colas líquidas. “As nossas colas líquidas vêm nas opções 40g, 90g, 250g, 500g e 1 kg. São atóxicas, aprovadas pelo Inmetro, podendo ser usadas tanto no ambiente escolar, quanto no office e no dia a dia. Estamos apostando no sucesso de suas vendas. Nos preocupamos em trabalhar com produtos de qualidade, garantindo a satisfação e a total segurança para quem os utiliza”, ressalta o Gerente Comercial Linha Office da Colacril, Italo Rodrigues.

Versões em fita e massa
Em sua ampla variedade de colas, a Leonora destaca, em sua linha LeoArte, opções como a cola em Fita, que é dupla face transparente e vem com aplicador para facilitar o manuseio. Indicada para a prática do artesanato como scrapbook e uso em planners e álbuns, segundo o fabricante não deixa resquícios ao aplicada. Tem também a Massa Adesiva Multiuso que substitui tachinhas e fitas adesivas e é ideal para pôsteres, cartazes e fotos. “A Massa Adesiva também estabiliza som, limpa marcas de lápis em paredes e permite fixar plantas”, cita a Coordenadora de Marketing da Leonora, Ariéli Adolpho Silva.
Ainda na linha LeoArte, voltada para artesanato, mas com variadas possibilidades de uso, tem a cola Colorida (6 cores) e cola com Brilho (7 cores). Ambas oferecidas em estojos com 6 unidades ou vendidas separadamente em pacotes por cores.
Na linha escolar, Leo&Leo, cerificada pelo Inmetro, tem as colas brancas de 1L, 500 ml, 90g e 40g e em bastão de 40g, 21g e 10g, além do lançamento cola em Gel 30g que pode ser aplicada em papelão, cartolina, isopor e papel, com dois tamanhos de bico aplicador: um para detalhes e outro para áreas maiores.

Constante aperfeiçoamento
Tendo como principal produto a cola quente, que no fim e no começo de ano tem as vendas impulsionadas em virtude de datas como Natal, Volta às Aulas e Carnaval, a Rendicolla comemora outro feito: a diversidade em seu mix, permitindo atender as mais distintas necessidades. Como novidade, a empresa aperfeiçoou a cola Silicone, que chega nas apresentações: 30,50,100 e 250g. O produto ganhou nova embalagem, agora ficou mais flexível e, consequentemente, mais fácil de usar, incluindo uma moderna “roupagem”. Além disso, a embalagem de 200g passou a ter 250g. “Estamos consolidados no mercado. O próximo passo é ampliar a participação internamente e expandir as exportações, especialmente entre os países do Mercosul”, planeja o Diretor Comercial da Rendicolla, Carlos Olimpio Malucelli.

Aposta nas versões coloridas
Para a marca TRIS, da Summit, a categoria de colas é fundamental para a empresa, seja em termos de faturamento, seja para a composição da marca. Nessa última temporada foram lançadas as colas coloridas nas versões: Colorida, Glitter Super Glow (que brilha no escuro) e Metálica. Indicadas para os trabalhos artísticos e para fazer as slimes. Os três lançamentos são vendidos em caixa display com 12 unidades e os tubos são decorados com desenhos de cupcake, fantasminha e unicórnio.
Sobre as atuais tendências e preferências observadas nos segmentos, a Especialista de Marketing da Summit, Vanessa Moreno, lembra que no setor escolar são as embalagens de fácil manuseio, produtos atóxicos e em diferentes opções de tamanhos; enquanto que para uso geral, as colas funcionais ganham a preferência e para as atividades artísticas, as versões que oferecem efeitos com brilho, metalizado e outros, são as mais desejadas. “A cola mais pedida ainda é a branca, mas todas vêm conquistando seu espaço com os usuários, visto que há diferentes necessidades e tipos de uso, por isso, a TRIS possui um portfólio com cola Bastão, Gel, Branca, com Glitter e Colorida”, exemplifica Vanessa.

Reconhecimento mundial
Para uso escolar e no artesanato, as colas Elmer’s – marca que existe nos EUA desde 1947 e ficou mundialmente conhecida por ser considerada uma das melhores colas do mundo para se fazer as slimes – oferece um mix composto por colas Brancas, Clear, Coloridas (transparente e opaca) e Glitter. “O segmento que continuará crescendo é, sem dúvida, das colas para a produção das slimes. Muitos acham que a “febre” já passou, nós continuaremos apostando, tanto que estaremos com sete novos produtos. Além disso, a qualidade da cola é única. Qualquer pessoa que tenha usado, seja para slime ou qualquer outra atividade, reconhece os seus diferenciais. É importante frisarmos que todos os produtos possuem certificação de Inmetro e foram submetidos a testes microbiológicos”, ressalta o Coordenador de Marketing da Toyng, Thiago Mahfud. A empresa é a responsável por distribuidor, no Brasil, a marca.

De olho nas oportunidades
Marcelo Vecchi, Gerente de Comunicação Externa da Faber-Castell, lembra que as colas estão ganhando cada vez mais espaço nas prateleiras por conta das atividades que estimulam o pensamento criativo, como DIY e a aprendizagem criativa. “Nosso trabalho tem sido identificar tais oportunidades e apresentar opções que atendam essas necessidades. Temos ótimas perspectivas de vendas para 2020, tendo como parceiros os educadores que conduzem as tarefas makers em sala de aula, e os jovens com experiências na internet que influenciam as pessoas a terem seus próprios projetos”, comenta.
Em portfólio, a Faber-Castell tem as colas em Fita, com design diferenciado que chama atenção dos consumidores, não faz sujeira, tem a secagem rápida e aderência; a Branca, muito utilizada para trabalhos escolares, principalmente por ser lavável; em Bastão, que proporciona um trabalho limpo e prático; a cola Colorida que ensina o conceito das cores primárias e secundárias para as crianças que vem com kit de seis cores e é utilizada por alunos da pré-escola e para trabalhos artísticos e a em Gel, que além da versão com dois bicos aplicadores para facilitar a colagem (de um lado um bico menor que permite mais precisão em trabalhos detalhados, enquanto o outro é maior e conta com um exclusivo sistema de espalhamento da cola, auxiliando no uso em áreas maiores) e sistema “antientupimento”, tem também a novidade que é a Cola em Gel na embalagem que simula o bico em formato de “pato”, atendendo às necessidades de qualquer tipo de colagem. “Todas as nossas colas são submetidas a importantes etapas de controle. Adotamos normas internas e externas, globalmente, para garantir o mesmo padrão de qualidade em todas as operações ao redor do mundo. Todos os lotes passam por avaliações toxicológicas e de desempenho, de acordo com os limites da Norma Europeia para Brinquedos, a mais restritiva, pois nossos produtos possuem esta conotação perante a lei. Deste modo, as análises envolvem: aplicação do produto, tempo de secagem, pH, volume, entre outras”, cita Marcelo, lembrando que o potencial desse segmento torna-se interessante pela possibilidade de apresentar produtos com variadas propostas de fórmulas e embalagens. “Desejamos oferecer uma linha completa de colas de alta qualidade, de diferentes tipos e modelos, além de novas soluções para usos variados, e assim atender as necessidades de todos os consumidores do segmento.”

Para todos
A empresa Mercur procura inovar a partir dos relacionamentos que constrói com as pessoas com o intuito de desenvolver produtos e serviços que possam verdadeiramente atender as necessidades. “No campo da Educação criamos espaços de convivência e aprendizagem e ouvimos educadores de todo o País para que possamos, cada vez mais, contribuir com recursos educativos que impactem menos o meio ambiente, contribuam para práticas educativas colaborativas e sejam acessíveis”, explica Angélica Jappe, da área de Pesquisa & Desenvolvimento da Mercur.
São três colas indicadas para uso escolar: a Branca com bico aplicador, abertura menor, facilitando a aplicação e tornando a colagem mais precisa, disponível em várias apresentações (40g, 90g, 200g, 250g, 500g e 1kg), sendo que os frascos de 40g e 90g têm formato ergonômico que se encaixa facilmente à mão. Já a nova apresentação em 200g é indicada para quem tem dificuldade de preensão palmar.
A cola Gel, com consistência mais firme, não escorre tanto quanto a cola branca, é indicada para as colagens em papel, papelão, cartolinas e fotos. Também em apresentações de 40g (lançada em 2019) e 90g com formato ergonômico e na versão 200g cilíndrica e robusta, que facilita o manuseio e a estabilidade do movimento, tendo ainda o bico aplicador que auxilia no alcance de colagens mais precisas. O nome do produto está em português, Libras e escrita de sinais.
A terceira opção de cola oferecida pela Mercur é a Glitter, ideal para trabalhos manuais e acabamentos, disponível em 4 cores: dourado, prata, azul e vermelha, em caixa com frascos de 23g. Possui bico aplicador com abertura menor, que facilita a aplicação e torna a colagem mais precisa.
Em 2019 o fabricante também apresentou um novo visual para os frascos de 250g, 500g e 1kg que foram redesenhados para tornar o reabastecimento dos frascos menores mais fácil e prático.
Todas as colas da Mercur são laváveis, atóxicas e livres de ftalato (substância química que, se em contato com seres humanos, pode causar danos à saúde). “Outra importante característica é que possuem alto teor de sólidos, o que melhora a aderência à superfície, enruga menos o papel e aumenta o poder de colagem”, cita Angélica.
A cola gel da Mercur é produzida na empresa, já a cola branca é vinda de fornecedores que cumprem e estão de acordo com os princípios de negócio da Mercur. Após passar por testes de controle, lote a lote, controle microbiano (de bactérias, fungos e leveduras), testes químicos de viscosidade, pH e de adesão química no laboratório da Mercur, as colas são envasadas e distribuídas. São realizados também testes anuais (ensaios biológicos, que são teste in vitro) e testes mecânicos. As colas Mercur, assim como todos os outros produtos enquadrados como artigos escolares pela Portaria 481/2010 do Inmetro, recebem a certificação do instituto. “Queremos que nossos produtos tenham desempenho condizente com a realidade de uso e trabalhamos para que, cada vez mais, possam oferecer as características esperadas pelos usuários. Também temos trabalhado constantemente no esforço de adequar nossos produtos para uma diversidade de pessoas e necessidades que evidenciamos na interação com os diferentes públicos dos quais temos estado muito próximos”, reafirma Angélica.

Brasinks
NHS INFO
TRIDENT
FABER CASTELL
DAC
DELTA 2020
BRW MARCAS
PILOT
CADERSIL 2019
CONDOR
DELLO
WALEU 2