Fone

 

Proteja a sua loja e assegure a lucratividade dos negócios

Pesquisa promovida pela Associação Brasileira de Prevenção de Perdas (ABRAPPE) em 12 segmentos, incluindo livrarias/papelarias, revela que após três anos de queda, as perdas no varejo voltaram a crescer em 2018. Em 2015 o índice foi de 1,4%, em 2016 fechou em 1,32% e em 2017 atingiu a marca de 1,29%. No ano passado, a perda média chegou a 1,38% do faturamento líquido do varejo restrito de R$ 1.55 trilhão, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), um aumento de 7% de um ano para o outro. Com base no cenário retratado na pesquisa, estima-se uma perda projetada para todo o varejo de aproximadamente R$ 21,5 bilhões.

 

TRIVIUN
MOLIN
ACRIMET
BRW MARCAS
DAC
DELLO